fbpx

Giro #8: Fadinha do Skate e o Funk de BH, a Nebulosa Baby do Giovani Cidreira, 80 anos de Ney e mais

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

A oitava edição do Giro tá 100% no espírito olímpico e em ritmo de “Baile de Favela”, com a conquista da medalha da Rebeca Andrade. Mas não é só o hit do MC João que tá fazendo parte da trilha sonora das Olimpíadas de Tóquio 2020, não. Até agora, a gente teve a Rayssa Leal fazendo a coreografia de “Não Nasceu Pra Namorar”, do MC Ricky e MC Zaquin, dois artistas do funk de BH, movimento bem destrinchado pelo jornalista e pesquisador pernambucano GG Albuquerque em dois textos no blog Volume Morto que a gente recomenda pra quem quer entender mais sobre o assunto.

Além disso, tivemos também o Twitter dedicando “LEAL”, do Djonga, para o Yoandy Leal, que vem jogando muito na nossa seleção de vôlei. Falando em Djonga, a gente lembra que amanhã tem lançamento do single do rapper mineiro com a lenda Martinho da Vila, pra deixar todo mundo ansiose. No Lançou a Braba, também comentamos sobre “Nebulosa Baby”, o último disco do Giovani Cidreira, e “Trava Línguas”, da Linn da Quebrada.

No #ContaMais, a gente tem duas dicas pra vocês: a primeira é o documentário “João do Boi Gritador de Chula”, que conta, por meio de suas lembranças do Mestre João do Boi, um dos grandes mestres da cultura popular da Bahia, as tradições e histórias sobre o Samba Chula, uma das variações do samba de roda predominante no Recôncavo Baiano.

A segunda dica é pra você aproveitar o aniversário do Ney Matogrosso, que completa 80 anos nesse domingo, dia 1º, ouvindo o episódio “Fala, Ney”, do podcast 451 Mhz, da revista Quatro Cinco Um, com a participação do cantor sul-mato-grossense. No programa, o editor da revista, Paulo Werneck, conversa com Ney sobre o lançamento da biografia do artista, sobre a sua transformação em um dos maiores intérpretes da música brasileira e o seu novo trabalho, o disco ‘Nu com a minha música’, que ele lança também nesse domingo.

Dá play aí em cima e conta pra gente o que você achou nos comentários 😉

Criação: Beatriz Moura, Lucas Hirai e Zeca Bral
Pesquisa: Beatriz Moura, Clara Camargo e Douglas Silva
Roteiro: Beatriz Moura
Direção de arte: Beatriz Zupo e Zeca Bral
Edição e Motion: Felipe Inácio Realização: Casa Natural Musical